Em 2019, a marca de Estugarda engrossará a lista de equipas de fábrica na competição de carros elétricos.

A Mercedes-Benz anunciou que se juntará à Audi e à BMW na Fórmula E na temporada de 2019-2020. A entrada na competição de carros coincidirá com a saída do DTM no final de 2018. O vice-presidente da área de marketing da marca de Estugarda, Jens Thiemer, justificou que este será um passo importante para prepara o lançamento de uma nova geração de carros elétricos de estrada, através da submarca EQ. O próximo esforço nesse sentido poderá ser visto já no Salão de Frankfurt, em setembro, altura em que estreará um protótipo de um hatchback elétrico.

A Mercedes correu 26 épocas no DTM, tendo alcançado 183 vitórias em corridas e conquistando 10 títulos. Apesar desta mudança, a marca de Estugarda confirmou que continuará em força na Fórmula 1, onde tem dominado nos últimos anos.

Além do trio de construtores alemães, a DS, Jaguar, Mahindra, Next EV e Renault são os construtores que anunciaram a entrada oficial na competição.

Assine Já

Edição nº 1460
Já nas bancas

Digital Papel

Top

Os mais recentes