A nova versão do GT430 é 10 kg mais leve e gera mais força descendente, em virtude da utilização de mais elementos aerodinâmicos.

A Lotus não perdeu tempo. Depois de em julho apresentar o GT430, agora é a vez do GT430 Sport. Já disponível para encomenda, esta novidade traz elementos aerodinâmicos adicionais que lhe permitem gerar mais 56% de força descendente face ao Evora Sport 410, gerando até 250 kg de força descendente aos 305 km/h. Além disso, em virtude de ser 10 kg mais leve (pesando um total de 1248 kg em seco), é capaz de atingir uma velocidade máxima de 315 km/h (mais 10 km/h do que antes), na versão equipada com caixa manual. De opção de caixa automática mantem um máximo de 280 km/h. A relação peso/potência passa a ser 345 cv/tonelada.

O motor deste modelo de estrada orientado para pista é o mesmo 3.5 V6 com compressor a gerar 436 cv (430 hp) e 440 Nm (450 Nm na versão automática) do GT430 convencional.

Esta peça de colecionador distingue-se por ter para-choques, painel de acesso dianteiro, tejadilho, painéis da zona traseira da carroçaria e tampa da mala com spoiler integrado em fibra de carbono. Não tem, no entanto, o lábio dianteiro e asa traseira em carbono do GT430. Por dentro, destaque para as bacquets, soleiras e cobertura da instrumentação em fibra de carbono. É possível encontrar ainda o volante, topo do painel de instrumentos, forro das portas, túnel da transmissão e consola central revestidos em alcantara com pespontos em vermelho e branco. O modelo pode ser especificado com um sistema de infotainment com ecrã tátil, função Bluetooth, conetividade com iPod, GPS e câmara traseira. Destaque ainda para o escape em titânio de série, controlo de tração variável e amortecedores ajustáveis.

Assine Já

Edição nº 1454
Já nas bancas

Digital Papel

Top

Os mais recentes